pt en
+ -

HDI Seguros

Olá, sou a Sofia, atendente virtual da HDI. Por favor me conte no que posso te ajudar.

Novidades

Conheça práticas seguras neste Maio Amarelo

Publicado em 05/05/2021

Mesmo durante a pandemia do novo coronavírus, os acidentes no trânsito mostraram um pequeno aumento, apesar de as pessoas passarem mais tempo em casa. Para se ter uma ideia, no estado de São Paulo, em janeiro de 2020 foram registrados 13.676 acidentes de trânsito em todo o estado, segundo o Sistema de Informações de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga-SP). Em janeiro de 2021, o total subiu 4% e foi para 14.225 acidentes registrados no mês.

 

Para chamar atenção a esses dados, desde 2011 a ONU orienta governos em todo o mundo a incentivar e conscientizar a população sobre a segurança no trânsito, e para isso fez do mês de maio uma referência mundial sobre o assunto. Embora muita gente saiba que um trânsito seguro se faz com atitudes cidadãs, nem todo mundo leva a sério o respeito e a responsabilidade no dia a dia na estrada. E isso vale para todos: motoristas, ciclistas, motociclistas e até mesmo os pedestres. Siga a leitura e veja algumas atitudes simples e importantes que todos que participam do trânsito precisam fazer!

 

Motoristas


É fundamental ter práticas responsáveis, como usar o cinto de segurança corretamente, e indicar que todos também utilizem, mesmo estando no banco de trás ou no do passageiro. É importante estar de acordo com as normas de trânsito, como o uso correto e o modelo adequado da cadeirinha infantil, utilizar equipamentos adequados para carregar animais de estimação, não mexer no celular enquanto dirige.

 

Além, claro, de respeitar o limite de velocidade, a faixa de pedestre e o espaço dos outros veículos.

 

Motociclistas


A melhor prática responsável é usar sempre os aparatos de proteção, especialmente o capacete. Lembrar de manter uma distância segura dos outros carros, motos e bicicletas e evitar manobras que possam arriscar a vida de todos à sua volta. É importante frisar que um estudo do Instituto Sou da Paz (2020) apontou que 42% das pessoas mortas nesses acidentes registrados em São Paulo eram motociclistas.

 

Ciclistas


Eles, por sua vez, têm o dever de circular sempre na ciclofaixa ou ciclovia e pelas ruas apenas quando não houver área específica. Ao andar pela calçada com a bike é importante descer do veículo e, ao estacionar, não atrapalhar o tráfego dos pedestres. Vale ressaltar a importância de utilizarem os equipamentos de proteção, como o capacete.

 

Pedestres


Como todos somos responsáveis pelo trânsito, os pedestres também têm que respeitar as indicações dos semáforos e procurar atravessar as pistas apenas na faixa de pedestres. E essas boas atitudes valem até para situações fora do trânsito: lembre-se que ao estacionar seu carro, bike ou moto, evite barrar a entrada de garagens.

 

Com atitudes de respeito e de responsabilidade é possível construir um trânsito mais solidário, empático e seguro para todos.

Dúvidas?